sexta-feira, 18 de novembro de 2011

De uns tempos pra cá

Mudei minha rota.
Mudei minha literatura,
Minha postura,
Mudei.


De uns tempo pra cá,
Tanta coisa deixou de importar.
Tanta coisa
é só mais uma coisa.


Palavras antes intragáveis
Tornaram-se matéria
comestível.
Engulo-as.


E se antes eu me abstinha,
hoje me embriago.
Embriago-me de mim,
Bebo a noite,
O vinho,
O meu fim.

______________


De uns tempos pra cá
telefone, bicicleta
minhas saídas mais secretas
tô pensando em deixardê no que tiver que darseu amor me basta terpra ficar só com vocêisso de uns tempos pra cá
Coisas são só coisasservem só pra tropeçartêm seu brilho no começomas se viro pelo avessosão fardo pra carregar.
(Chico César - De uns tempos pra cá)

3 comentários: